sexta-feira, 19 de junho de 2009

just to see her

As pessoas que comem pêssegos com casca e fazem * mmmt mmmmt mmt * deviam ser apedrejadas.

46 comentários:

AP disse...

Pêssegos carecas com penugem?

joaninha versus escaravelho disse...

E se fizer nham nham nham? :/

Anónimo disse...

dá mesmo a sensação que são muito mais felizes que nós, que apreciam mesmo as pequenas coisas da vida :\

Lucy Fields disse...

lolol, eu como pêssegos com casca mas juro q n faço sons ;)

Amónio disse...

Eu como pêssegas com pelo que fazem sons.

Anónimo disse...

e as que comem pessegos sem casca e fazem mmt mmmmmmmt mmmmt mmt???
eu confesso, adoro pessegos... mas detesto qualquer barulhinho alimenticío :P
entao o sorver sopa e o glu glu de beber agua...ui,que nervos!! :P

lucialima

Bock disse...

Foda-se, que cambada de conas de sabão azul e branco.... :)

joaninha versus escaravelho disse...

Este blog está a tornar-se brejeiro :/

extravaganza disse...

Anónimo lucialima
O glu glu de beber água é uma inevitabilidade fisiológica. A pessoa não faz isso porque quer.

Já o sorver a sopa alarvemente depende da educação de cada um. Assim como as outras sonoridades de degustação alimentar.

Mas aposto que quando é para sorver outras coisas, nomeadamente a nível sexual, ninguém está importado com sons! ;)


Ou está?

juvenal, o anormal disse...

"a pessoa"?:|

joaninha versus escaravelho disse...

Sim Juvenal, não só o Fernando mas também o Ser! Pelo menos foi assim que entendi. :/
(isto é minha resposta à tua questão sobre a "pessoa")

juvenal, o anormal disse...

ninguem começa as frases por "a pessoa".

Anónimo disse...

se calhar extravaganza é ninguem...

Anónimo disse...

e eu estou a comer salada de frutas (com pêssego) e a fazer mmmmmx mxxxxxxxxttttt

Filipa disse...

Realmente...
se uma gaja qualquer, que está a foder contigo e calha largar um peidinho de cona, que lhe fazes?? Dass

Anónimo disse...

provavelmente seria "uma pessoa...", não ?! Seja... há ainda a questão "ninguém está importado" ??!!! bem isso depende...eu tou nessa: sou made in Portugal mesmo!!!

E até pode ser cena de gaja ou assim, mas eu importo-me com os sons do sorve, morde, lambe, roça, e etc etc de outras coisas, "nomeadamente a nível sexual"

Anónima que até gostava de não ser anónima mas tem bué preguiça para arranjar um nick uma vez que este teria que ser cool e fixe e espelhar a minha inteligência e criatividade essas coisas todas :P

juvenal, o anormal disse...

digo-lhe "get dressed and get the fuck out of here". e ela irá compreender. como tem acontecido até agora.

joaninha versus escaravelho disse...

"As pessoas" neste blog estão muito "importadas" com o nível dos seus conteúdos literários, mas nunca li nenhum comentário em que "as pessoas" se queixem de ler palavrões.
Foda-se! Eu não gosto nada de asneiredo. :/

Escrevi e expressei-me bem?

Anónimo disse...

o que nasce de falar de pessegos, ufaa....
:P
lucialima

extravaganza disse...

Então, era um animal?

Se os meus comentários não são bem vindos aqui, diz logo.

Sou assim, uma pessoa directa.

E podia tentar explicar a cena do osso hióide para baixo e para cima na traqueia e o batimento da epiglote e o som do glu glu glu...

Mas para quê?

joaninha versus escaravelho disse...

Oh extravaganza, vou "tomar a liberdade" de te dizer que não vale a pena desatinares.
Todos nós, ou quase todos, os comentadores deste blog já "levámos de tabela".
Eu já fui também uma feliz contemplada! :)
Quando se critica o "ninguém está importado" e se escreve logo de seguida "eu tou nessa"... :/
Conheces: eu tou, tu tás, ele tá, nós tamos, vós tais, eles tão?

Já aqui disse que este blog está a ficar brejeiro?

Caguem nisso!

defensor dos coitadinhos disse...

Filipa e Juvenal:

Peço desculpa, mas um peidinho xarolas é perfeitamente aceitavel, principalmente quando uma pessoa não tem uma pila que lhe permita argumentar "mas a minha pila é tão pequena que até posso ser considerado uma rapariga, minha senhora".

Provavelmente só o Juvenal é que vai perceber, de que é que este long-time reader está a falar, mas que se lixe, (um)a pessoa tem que aproveitar para mandar uma atoardas sempre que pode.

Filipa disse...

Epá, ó defensor, mas o que caralho tem a ver o peidinho de cona, com o tamanho da pila? E tu ó juvenal, deve ser por isso que fodes pouco e falas muito. Gajo que é gajo curte um peidinho. Ou diz que curte para a gaja não ficar ainda mais encaralhada.

Anónimo disse...

e a mim? ninguém defende? :( gosto tanto de salada de frutas

juvenal, o anormal disse...

pois. deve ser por isso:)

Lalelilolu disse...

Size matters... sim, tem a ver.

Filipa disse...

Lalelilolu,
tem a ver como? Se o piço for pequeno, em jeito de reclamação ou se for grande como festejo?

O Puto disse...

Em vez de apedrejadas, porque não apessegadas, ou seja, serem vítimas de múltiplos arremessos de pêssegos duros? Assim provavam do seu próprio remédio, eu incluído.

Bock disse...

Isso de uma pessoa pedir para lhe arremessarem pêssegos não será uma cena assim, sei lá, um bocado kinky?

Lalelilolu disse...

Ok, isto é teoria minha, mas eu acho que é em jeito de reclamação mesmo... se fôr uma coisa estreita, tem mais propensão para deixar passar ar :D
Espero não estar a traumatizar os meninos!

extravaganza disse...

Joaninha, não estava a desatinar embora admita que possa ter sido entendido como tal. :)

Estava só a "meter-me" com o Juvenal, tal como ele fez comigo a ver se saía dali algum "sumo".

O Bock, também escreve "uma pessoa". Haja ao menos uma pessoa que me entende.
;)

Filipa disse...

Lalelilolu,

estás enganado. Por experiência própria, o peidinho só acontece, precisamente com os menos estreitos...

Lalelilolu disse...

Filipa, quanto muito poderei estar enganada, nunca enganado :)
É bom saber que as experiências divergem.
Homens, afinal o peidinho é random!!

extravaganza disse...

E divergem mesmo.

Não é aleatório não senhores. (eu não uso random, sou portuguesa, não levem a mal)

É um pássaro? Não.

É um ovni? Não.

É aleatório? Não.

É dimensional? Também não.

Então o que é? É posicional.

Tem a ver com as curvas e contra-curvas do duo "ele" e "ela".

:)

Bock disse...

Uma coisa tenho por certa:
pila fina,grossa,mole ou dura,
seja a crica fechada ou aberta,
O peidinho de cona rula.

Lalelilolu disse...

Extravajoint, não falei nesse factor porque estava mesmo a tentar traumatizar os rapazes, mas concordo contigo.
Pena esta sequência de comentários não acabar com o do Bock... inventa lá mais um versinho pá genti...

Bock disse...

Queres um versinho personalizado,
mas eu não tenho cá disso.
Hoje tou um coche rebarbado :S
E portanto, irritadiço. :)

Filipa disse...

Lalelilolu,
ainda bem que és gaja! Já ia mandar a boquinha do nick ser um tanto ou quanto abichanado para gajo. Cá para mim peidinho de cona é sinal de satisfação.

Bock disse...

Nem mais.
Diria mesmo mais:

Um peidinho de cona
com alegria e durante a função
é sinal de que a dona
Está feliz com a «prstáção»

ana disse...

grande bock eheheh
vai um manjerico??

Bock disse...

Os manjericos são muito caducos e fico sempre com pena quando os vejo morrer...

Se não fosse muita indelizadeza da minha parte, preferia outra coisa acabada em ico... :O

Lalelilolu disse...

Filipa, pelo menos uma coisa é certa, é sinal de que há acção! :)

extravaganza disse...

O Bock é ele próprio um rico manjerico!

:)

Filipa disse...

Lalelilolu,
mai nada!

Bock, acabado em ico e sem ser manjerico só se for...penico??!...

Bock disse...

filipa, como já referi, tenho a memória algo curta, e apesar de nem sempre saber o que quero, sei sempre o que não quero, e um penico não seria, certamente.

Talvez me tivesse querido referir a um antibiótico genérico antipirético.

Ou a uma saladinha de atum, cebola e grão-de-bico.

Com uns coentrinhos picados.

Por exemplo.

Filipa disse...

Bock,

Desculpa lá qualquer coisinha, mas nem sempre a minha mente tem vontade de abadolhocar a coisa. Juro que não pensei em bico.

Grão, claro.

Juro.