sábado, 14 de novembro de 2009

amazing, ain't it?

Deixei crescer bigode e as pessoas continuam a reconhecer-me.

10 comentários:

Isa disse...

há sempre feições... :) gosto do blog, mesmo

Otário disse...

sensacional! :)

Diz que disse...

Deixar crescer o bigode é um bocado indie. O indie da baixa de lisboeta.

pdah disse...

é mais o indie que vai ao lux. mas esse é daqueles cujo bigode não chega a ser bigode, é aquele típico piaçaba mal semeado. e usa calças verdes da h&m e óculos de plástico brancos, porque é muito fashion e cool.

os gajos com personalidade, como eu, deixam crescer - porque conseguem - uma barba à cast away.

caramela disse...

Não me digas que tens um bigode à Claudio Ramos, homem???
(agora tens, agora não tens,
agora tens, agora não tens...)

é teu, é teu :P

Anónimo disse...

deve ser tipo artur jorge, aposto

Diz que disse...

pdah,

Ya.

E Lux ao contrário é "chulo", mas com sotaque à gajo que tem muito andamento nocturno.

Anónimo disse...

Reconhecem-te porque a forma abichanada como fumas dá sempre para reconhecer, com bigode então...

êne u êne ó disse...

és o carlos queiroz?

Anónimo disse...

Indies,
que acham do ultimo dos horrors, esta bom, nao esta?
E o cd que vem com a ultima uncut?
Despertou-me o saudosismo pelos loop (e spacemen 3 e galaxie 500) dos finais dos anos 80. Bela epoca para o rock indie.