quinta-feira, 25 de setembro de 2008

1006

Poucas árvores de Natal levam tantas bolas como o queixo do Cláudio Ramos.

14 comentários:

Anónimo disse...

bem vindo de volta

Hugo Gomes disse...

Há poucos momentos tão degradantes de televisão como este:

http://www.youtube.com/watch?v=RRFOl6oLqLM

grassa disse...

Alguém andou a ver a SIC ontem à noite...

tiagugrilu disse...

Em primeiro lugar, essa bojarda está genial.

Em segundo lugar, estou mal disposto e quase a vomitar para o teclado a ver este link do Hugo.

Obrigado a ambos.

Ontem comi uma cena estranha. verde.

R2D2 disse...

Juvenal,
O gajo do Adamastor era o Cláudio Ramos?

juvenal, o anormal disse...

não. acho que era estrangeiro. estava a dançar no meio de pretos piolhosos. não sabe que cá, eles fazem-se amigos para depois poderem roubar.

anatcat disse...

bom... sendo assim... então este natal em vez de ir à Romeira Roma, vou tentar contratar essa personagem para a noite de consoada... ólarilas...

bjs jovem

ps: ólarilas-» onomatopeia de contentamento... não estou a referir-me a se o cr tem um ar abichanado ou não ;)

R2D2 disse...

É por causa de gajos como o Cláudio Ramos que a história ainda vai voltar sos campos de concentração. Parece que já o estou a ver a fazer uma birra para lhe apertarem a cintura do pijama das riscas azuis.

O Man disse...

Deixa lá as árvores em paz. Não se brinca com coisas sérias.

PDuarte disse...

quem é o claudio ramos?

anatcat disse...

pduarte,
deixa lá isso... é muito pouco importante...
a sério!

tiagugrilu disse...

Anacat: A expressão "ólarilas" deve ser sempre acompanhada do gesto que aquele senhor da promoção da multiópticas (não sei o nome do velho, perdão) faz com o dedo indicador e o polegar.

É obrigatório e o seu não-uso dá direito a coima e inibição de proferir "ólarilas" num período entre 1 a 12 meses.

Evil Genius disse...

O velho é o Artur Agostinho. Qualquer Sportinguista tem obrigação de saber isso. Os outros são inimputáveis por não serem do Sporting.

tiagugrilu disse...

Se ele fosse do Benfica eu lembra-me-ia o nome dele. Assim sendo, esqueço-me orgulhosamente.

Ólarila!